Noticia Online

Norospar alerta para a falta de leite materno e conscientiza para doações

Na Semana Nacional de Doação de Leite Humano, a Norospar (Associação Beneficente de Saúde do Noroeste do Paraná) faz um alerta: o estoque está zerado em Umuarama e a quantidade de leite materno que entra não é suficiente para atender a demanda da UTI Neonatal.

O hospital inicia nesta segunda-feira (14) uma série de atividades para conscientizar as mamães de recém-nascidos sobre a importância da doação. Às 14h foi realizada uma palestra seguida de visita às dependências da Maternidade e do Banco de Leite.

De acordo com a fonoaudióloga Daiane Augusto Caetano Ribeiro, é preciso reforçar a informação. “Muitas mulheres acham que, doando, vão tirar o leite dos próprios filhos, o que não faz sentido. Quando ela amamenta o bebê, mais leite produz. Isso porque a produção depende do esvaziamento da mama”, explica Daiane.

Ela complementa que cada mãe pode doar o quanto quiser, pelo período que puder. “Não é exigida uma quantidade mínima para doação. Não precisa esperar encher o potinho para fazer a entrega (no banco de leite)”. 

A doação de uma única mãe pode atender até 10 crianças. Para suprir a necessidade da UTI Neonatal da Norospar seriam necessários pelo menos três frascos diários de leite materno, ou cerca de 1 litro do produto, vital no tratamento dos bebês.

A coleta (ordenha) é bem simples e pode ser feita no Banco de Leite da Norospar ou na casa da mamãe. A equipe do hospital entrega um kit que a mulher utiliza facilmente. O leite coletado é colocado no congelador e pode ficar ali até 10 dias.

Cronograma de atividades

Terça feira (15)

- 08h - Atividade no Centro Mãe Paranaense com puérperas e gestantes sobre aleitamento e doação de leite. Orientações e distribuição do folder de doação de leite.

16h e 17h - Apresentação do posto de coleta de Leite Humano (avanços e desafios, nossa produção, nossa real necessidade).

Temas abordados: incentivo a doação de leite e o aleitamento materno na unidade neonatal.

Público-alvo (funcionários UTI Neo e maternidade). Incentivar os colaboradores a motivar as gestantes, puérperas e comunidade a doarem leite.

Quarta feira (16)

- 14h - Atividade na maternidade com as mães internadas sobre o aleitamento materno e a doação de leite. Orientações às mães sobre manejo de amamentação e doação de leite. Entrega de folders

- 16h e 17h - Apresentação do posto de coleta de Leite Humano (avanços e desafios, nossa produção, nossa real necessidade).

Temas abordados: incentivo a doação de leite e o aleitamento materno na unidade neonatal.

Público alvo (Funcionários UTI Neo e maternidade). Incentivar os colaboradores a motivar as gestantes, puérperas e comunidade a doarem leite.

Quinta feira (17)

- 16h - Atividade com grupo de mães que irão se reunir na maternidade para troca de vivências em relação ao aleitamento materno exclusivo, exterogestação e a doação de leite.

Atividade Hora da doação: Participação da Doula Cinthia

Sexta feira (18)

- 14h - Atividade na maternidade com as mães internadas sobre o aleitamento materno e a doação de leite. Orientações às mães sobre manejo de amamentação e doação de leite. Entrega de folders.

Sábado (19)

- 10h - Café para finalizar a semana e comemorar o Dia Mundial da Doação de Leite Humano, serão certificadas as mães doadoras de leite materno, que vão se encontrar com mães de receptores do leite doado, que têm seus bebês na UTI.